Alevinos de peixes marinhos

Conheça

Um pouco sobre nós


A REDEMAR Alevinos foi criada em 2008 por Pedro Antonio dos Santos e Claudia Kerber. Nosso negócio é a produção de alevinos de bijupirás (Rachycentron canadum, Cobia) e garoupas (Epinephelus marginatus, Dusky Grouper).

O laboratório ocupa 2.000 m² na Costa de Ilhabela/SP, distante 4 horas por via rodoviária do aeroporto internacional de São Paulo (Guarulhos International Airport). Nossa localização privilegiada no eixo Rio/São Paulo favorece o escoamento dos alevinos para as fazendas e nos oferece água de excelente qualidade.

Os alevinos de garoupas e bijupirás se adaptam em diferentes sistemas de cultivo, para produção em pequena ou grande escala em toda a costa brasileira e também em outros países.

Ao longo desses 12 anos muita gente capacitada e ótimas parcerias tem possibilitado o crescimento da empresa.

Claudia Ehlers Kerber - Responsável Técnica
http://lattes.cnpq.br/3269286678070237, mestre em fisiologia é veterinária com especialização na área de peixes marinhos.


Equipe


Parceiros

Empresas parceiras

Alguns Dados

51

Clientes

6

Projetos de Desenvolvimento da Maricultura

20.000

Garoupas soltas na natureza

9

Colaboradores

Plantel

Saiba mais sobre os peixes que produzimos

Garoupa

Bijupirá

Sistemas de Produção

A Redemar produz alevinos de peixe marinho para diferentes sistemas de cultivo



Recirculação

Gaiolas Off Shore

Com o auxílio de um PIPE (Programa de Inovação em Pequenas Empresas) da Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de São Paulo (FAPESP) estamos aprofundando o conhecimento sobre a possibilidade de adensamento da garoupa em sistemas de recirculação. Já chegamos a 30 Kg/m³ e queremos caminhar para densidade > 60 kg/m³. O adensamento impacta positivamente na viabilidade econômica de sistemas de recirculação, assim como o preço de venda. A garoupa tem tudo para popularizar o sistema RAS e pode ser criada em qualquer ponto do país mesmo longe do mar.

A Aquicultura em Sistema de Recirculação (RAS) é o método de produção onde a água do sistema de criação é continuamente tratada e reutilizada. A utilização de RAS permite a produção com o reuso total ou parcial da água, diminuindo drasticamente a quantidade de água utilizada em um ciclo produtivo, o que abre um oceano de possibilidades antes limitado pela dependência das trocas de água. Fonte: Aquaculture Brasil

Gaiolas Flutuantes off shore

Gaiolas Off Shore

Trata-se de um processo de criação em grandes gaiolas flutuantes em mar aberto, com altas densidades e rápido crescimento. Perfeito para a criação do bijupirá! Em tanques flutuantes ou submersos em locais com boa circulação e água límpida o bijupirá expõe sua melhor performance, crescendo até 6 kilos em um ano!

Viveiros Escavados

Gaiolas Off Shore

A garoupa já provou a viabilidade em viveiros recobertos ou não. Este é o sistema mais utilizado no sudeste asiático em consorciamento ou não com tilápia ou camarão.

Aquicultura Multitrófica Integrada

A Redemar participa de uma rede europeia de pesquisas em Aquicultura, a BluEco Net que entende a Aquicultura Multitrofica Integrada (IMTA) como a melhor opção para o desenvolvimento sustentável do setor.

A AMTI é um sistema de produção que integra espécies de diferentes níveis tróficos em um mesmo ambiente de cultivo, resultando na conversão dos resíduos do cultivo de uma espécie em fonte de alimento ou fertilizantes para outra. Esse conceito já é aplicado em algumas fazendas de salmão em tanque-rede e consiste no aproveitamento do resíduo da alimentação do salmão para cultivar mexilhões e macroalgas. Fonte Aquaculture Brasil

Gaiolas Flutuantes in shore

Gaiolas In Shore

A garoupa se adapta bem também para criação no mar desde que as gaiolas sejam colocadas próximas à costa em locais abrigados (baias abrigadas com pouca corrente).

Bioflocos

O uso do sistema com tecnologia de bioflocos possui a vantagem de não necessitar de múltiplos sistemas externos de filtragem, pois na água são realizados processos a partir de microorganismos, que transformam os compostos nitrogenados mais tóxicos (amônia e nitrito) em compostos menos tóxicos (nitrato). Também se destaca por apresentar uma diminuição na quantidade de ração ofertada. Nele, os restos de ração, microrganismos, cianobactérias, fungos, algas, protozoários, bactérias e resíduos, originam os flocos agregados, que os animais utilizam como fonte de alimento, diminuindo assim os custos com alimentação, além de serem eficientes com altas densidades de estocagem.

Até agora utilizado na criação de camarões, A REDEMAR, em parceria com a UDESC, têm feitos estudos para verificar a adaptação da garoupa verdadeira a este sistema.

Repovoamento


A Redemar fornece alevinos para programas de repovoamento da Garoupa Verdadeira em locais onde ela já desapareceu ou onde suas populações já estão seriamente impactadas.

Com o apoio da Fundação Grupo Boticario de Proteção à Natureza, a ATEVI está repovoando o litoral de Ilhabela/SP.

Saiba Mais: Acompanhe:


Buscamos novas parcerias com empresas que compartilham nossa filosofia.

Contato

Todas as formas de nos contactar

Rua dos Eucaliptos, 208
Ilhabela SP

gerente@redemaralevinos.com.br

(12) 9 8124-9903




Sua mensagem foi enviada. Obrigado!